Na terapia individual, problemas relacionados ao grupo, por exemplo, questões familiares, problemas no ambiente de trabalho entre outros, podem ser abordados. No entanto, o enfoque será sempre no indivíduo. É importante que se busque ajuda especializada sempre que sentir necessidade de ter um maior domínio sobre a sua própria vida, tornando-se mais autônomo, quando houver um desejo pelo autoconhecimento ou quando estiver passando por alguma situação que lhe traga sofrimento e o sentimento de que sozinho não está conseguindo encontrar uma solução para o problema ou a diminuição dessa angústia. É importante, no entanto, que esta busca por atendimento seja uma demanda do paciente. Desta forma haverá um maior engajamento e regularidade nas sessões. Para o sucesso da terapia é necessário também que o paciente procure um profissional capacitado com quem ele se identifique e se sinta à vontade para falar sobre o que lhe aflige.

Linhas de Abordagem

Gestalt Terapia

A Gestalt-terapia é um modelo psicoterápico com ênfase na responsabilidade de si mesmo, na experiência individual do momento atual (chamado também de aqui e agora), levando em conta sempre o meio ambiente e o contexto social, que constituem o ser de um modo geral. A teoria foi desenvolvida pelos teóricos Fritz Perls, Laura Perls e Paul Goodman entre as décadas de 1940 e 1950.Dadas as suas bases filosóficas, a Gestalt-terapia tem seu enfoque clínico no conceito de aqui e agora. O conceito refere-se à ideia de que o que se apresenta como fenômeno no momento atual deve ser levado em consideração. Esta

Terapia Individual em Curitiba - LevMind

abordagem no aqui-agora pretende promover o contato e a awareness (estar ciente, atento). O modo de abordar o aqui e agora expressa-se na relação terapeuta-paciente, já que é a relação que está ocorrendo no momento da terapia. O trabalho focado nesta relação sugere ao paciente que tome consciência do aqui-e-agora e lide com o que emerge desta relação. Estes elementos que emergem são chamados de figura, conceito da Gestalt conhecido como figura e fundo. Este enfoque no aqui-e-agora da relação terapeuta-paciente pretende servir de modelo vivencial das experiências do indivíduo, acreditando-se que toda a tomada de consciência advinda desta vivência afetará a relação do indivíduo consigo mesmo de modo geral.

Terapia Cognitivo Comportamental

Terapia cognitivo-comportamental (TCC) é uma forma de psicoterapia que se baseia no conhecimento empírico da psicologia. Ela abrange métodos específicos e não-específicos (com relação aos transtornos mentais) que, com base em comprovado saber específico sobre os diferentes transtornos e em conhecimento psicológico a respeito da maneira como seres humanos modificam seus pensamentos, emoções e comportamentos, têm por fim uma melhora sistemática dos problemas tratados.Tais técnicas perseguem objetivos concretos e operacionalizados (ou seja, claramente definidos e observáveis) nos diferentes níveis do comportamento e da experiência pessoal e são guiadas tanto pelo diagnóstico específico do transtorno mental como por uma análise do problema individual . Nesse contexto representa um papel importante uma análise aprofundada dos fatores de vulnerabilidade (predisposições), dos fatores desencadeadores e mantenedores do problema. A combinação dessas duas vias permite atingir um relativo equilíbrio entre o método padronizado (determinado pelo diagnóstico) e as características individuais do paciente (que determinam a análise do problema).

41 3328-1183 – Agende sua consulta em nossa clínica de Psicologia
41 9 9876-9777 – Entre em contato pelo WhatsApp

[email protected]

Endereço:
Avenida Cândido de Abreu 70, Sala 701 – Centro Cívico – Curitiba | PR